Respeitada a ordem de designação, o juiz diretor do foro, além das vedações, poderá, por decisão fundamentada, deixar de designar para exercer a função de interino pessoa que não reúna condições de responder pelo expediente da serventia.

Legislação Correlata

CNCGJ/2013, art. 107, § 6º